quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Vida nova, longa.

 One Night in Paris

Era algo novo, o que me empolgava afinal o inédito sempre me animou. De qualquer forma aquilo me dava esperança me trazia um ar de vontade, e desejos, um sentimento que eu já desconhecia. Agradeço à ele, o destino que tem sido bem generoso comigo    concertando meus erros e me trazendo boas oportunidades. Eu encaixotei as mágoas e elas ficaram naquele cômodo antigo, meu estado atual é refletido por tudo o que eu tenho vivido nos últimos tempos, todas aquelas situações nas quais eu achava que não passaria, aqui estou eu decorando meu quarto todo branco.

Já fazia tempo que eu não sabia como era fazer as coisas do meu jeito, e isso me empolga desde que eu comecei a aprender que em uma certa idade que ninguém sabe qual é, chega o momento em que os seus atos só são decididos por você mesmo. Essa liberdade não é aquela que você precisa pra escolher em qual balada vai no sábado a noite, ou se vai chegar em casa quando ainda está escuro ou vai esperar clarear. A vida transborda responsabilidades e você sente estes efeitos desde o momento que nasce, o que muda é a intensidade e a quantidade delas. Variam entre guardar a bagunça depois de brincar ou escolher quem entra na sua vida. Talvez você tenha que decorar um apartamento novo, sozinha. Ou viva na casa dos seus pais até que ela vire sua herança. As responsabilidade e deveres vão te acompanhar nas diferentes situações.

Foi bom depender dos adultos que me rodeavam antes, foi bom me desentender algumas vezes, eu só estava em busca da minha liberdade. As vezes nós queremos além do que já nos pertence, hoje eu valorizo a liberdade que tenho, reclamo as vezes das minhas responsabilidades, mas quem não? Hoje eu peço que tudo que for ruim não me acompanhe e que a cada dia eu fique mais forte e tenha mais vontade de enfrentar os problemas que eu sei que me aguardam. Ainda viverei de tudo, e isso pra mim é sempre novo. Cada dia é uma nova chance, cada sorriso me traz uma porção de esperança. Feliz vida nova.

                                

0 It Girl Comentaram !: