segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Diário daquela garota: Seguindo sozinha

Let it go..

Então chega aquele momento de deixar pra lá todas aquelas teorias infantis de não saber passar a roupa, ou fazer o almoço. Hoje é a hora de deixar pra trás aquele incomodo em andar sozinha na rua, afinal terei que aceitar o fato que agora eu ando sozinha na vida. As pessoas que eu andava de mão dada com medo de cair agora me soltam, crio outros laços minha mãe me deseja boa sorte com lágrimas dos olhos eu sempre volto por lá mas o amadurecimento é bem mais importante do que apenas pegar algumas tralhas colocar em uma mala e sair de casa. Amarro o tão temido cadarço,aviso pra alguns conhecidos por mais que não possam fazer nada pra prolongar minha vida perfeita dentro do meu quarto onde eu era mimada, jovens ah jovens como diz minha mãe.

Então eu vou determinada a mudar o mundo enquanto eu ainda não arrumo minha cama direito. Mala na mão,não só uma, porque pra variar ou eu. Amigos estão ao meu lado, mas quem me garante que eu possa piscar e já está sozinha? Decidindo onde ficar, pra onde ir, quem amar, em quem confiar e como me comportar. É complicado de fora pra dentro, é controlar oque se sente,medir a saudade pra que ela não te domine e aquela falta de como tudo era antes,afinal tudo passa,inclusive essa fase que te digo é cruel.

Sempre fui uma menina determinada,que lutava em pequenos gestos com seus pais por sua liberdade e independência, mesmo que isso significasse alguns trocados a mais na mesada e poder vir embora sozinha da escola que era perto de casa. Eu nunca desisti dos meus sonhos, e por mais que cair me deixa mais fraca eu vou lutar pra ficar forte novamente, e treinar meus pensamentos cada vez mais pra poderem me fortificar, sou uma menina forte, de coração mole.
                                               

0 It Girl Comentaram !: